uiux.pt
microcopy user experience

Microcopy: a importância de escrever mensagens para a estratégia UX


Como liderar essa abordagem para o próximo nível.

Durante muitos anos, especialmente nos anos 2000, a tendência era de criar interfaces limpas. As interfaces que utilizam conceitos de “bom design” acreditavam ser construídas usando fontes muito pequenas, muitas sombras e alguns efeitos 3D. Em outros casos, alguns conceitos estabelecidos minimizaram a importância do copywriting nas interfaces. Eu também ouvi dizer que não era necessário prestar muita atenção ao texto, afinal, ninguém os lê de qualquer maneira. As pessoas que trabalharam por muitos anos nesta área provavelmente vão se lembrar disso.

Hoje, ao ver a crescente importância da disciplina UX para organizações e grandes empresas, é cada vez mais evidente que a UX e Microcopy se combinam. Eu costumava dizer que a definição de UX em si é algo pode ser confundido com o microcopy que povoa as interfaces de produtos digitais.

De acordo com Yifrah, a definição de microcopy é:

As palavras ou frases na interface do usuário que estão diretamente relacionadas às ações que um usuário leva:

1. A motivação antes da ação;
2. Instruções que acompanham a ação
3. O feedback depois que o usuário tomou a ação.

Esta definição é muito importante porque estabelece uma nova visão sobre a importância da Microcopy para projetar uma interface. Ele também traz a abordagem estratégica que leva o problema a um novo nível, levando o copywriting ao centros das decisões nos mais altos níveis da corporação.

Mas, afinal, o que Microcopy pode fazer para a interface? Yifrah aborda algumas perspectivas sobre o que pode ser feito.

1. Criar uma experiência positiva que envolva o usuário

Expanda o engajamento e crie uma nova visão para usuários que usam seu produto. Ajuda a reduzir o abismo entre a máquina e os sentimentos humanos, sempre presentes em qualquer situação. Mostre ao usuário uma visão que também usa o produto. Deixe claro que alguém antes dele pensou e projetou essa experiência no sentido de ajudá-lo a completar a tarefa, humanizando o relacionamento.

2. Aumentar a usabilidade

Melhora significativamente a usabilidade do que foi projetado, minimizando possíveis pontos de fricção com os usuários. Pequenas palavras bem pensadas e projetadas para aparecer no momento certo e no momento certo para tornar o processo inteiro mais fluido. Dá uma visão de quem é um usuário do sistema para quem realmente usa seu produto.

3. Melhorar a marca e a diferenciação

Aqui acredito ser a visão mais importante do ponto de vista estratégico em torno do conceito de microcopy. Pensando como a voz e o tom, o que vamos dizer e a forma como vamos dizer afeta toda a percepção dos usuários em torno da marca. Trazer para interface toda a personalidade que designamos para um produto, criando uma experiência verdadeiramente única. Analisando a estratégia da marca, mapeando os pontos de contato e diferenciando seu produto do resto da competição.

Existe um enorme potencial no estudo do Microcopy. Como eles podem ampliar a experiência da marca em um mundo tão saturado de informações. O livro de Yiafrah fornece um estudo metodológico muito profundo, recomendado não só para quem já trabalha com UX por muitos anos, mas principalmente para aqueles que pretendem começar no campo do estudo UX. Indispensável para todas as idades 😉

 

The Complete Guide. Haifa, 2017.
The Complete Guide. Haifa, 2017.

Josias Oliveira

Senior UX Designer at Resultados Digitais

1 comentário